Formas de tratamento que temos atualmente e principais desafios no tratamento e manejo de pacientes HER2+ metastático

< 1 min. de leitura

Dra. Debora GagliatoOncologista Clínica da BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo, discute neste podcast sobre as alternativas terapêuticas para o câncer de mama HER2+ metastático

 

Neste podcast, a especialista discute sobre o histórico de abordagens para o tratamento de câncer de mama HER2+ com doença avançada. Ela comenta que este subtipo de câncer está atualmente associado aos melhores desfechos de sobrevida no contexto de doença avançada HER2+. Isso acontece, principalmente porque HER2 foi identificado como um driver da doença, e o desenvolvimento de drogas alvo contra HER2 revolucionou as formas tratamento do câncer de mama HER2+ avançado.  

Ela comenta desde o primeiro estudo que levou a aprovação do trastuzumabe (anti-HER2) neste contexto, além de abordar sobre alguns outros estudos; como o estudo CLEOPATRA, que direcionou o tratamento de primeira linha destes pacientes, e o estudo EMILIA, que direcionou o tratamento em segunda linha. Para finalizar, Dra. Debora discute porque, mesmo estes estudos tendo gerado mudanças tão significativas no manejo desta doença, ainda havia necessidades médicas não atendidas no campo de tratamento do câncer de mama HER2+ metastático.  

 

Para saber mais, ouça:

Send this to a friend