[VÍDEO] - Fim da cirurgia para o tratamento do Câncer de Mama? - Oncologia Brasil

[VÍDEO] – Fim da cirurgia para o tratamento do Câncer de Mama?

2 min. de leitura
O mastologista Dr. Antônio Frasson, professor da PUC-RS, médico do Hospital Israelita Albert Einstein e atual presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia, comentou aspectos relacionados à cirurgia no câncer de mama, conforme o que foi apresentado e discutido no San Antonio Breast Cancer Symposium 2018, que está ocorrendo entre os dias 04 e 08 de dezembro, em San Antonio (EUA).
Respondendo à pergunta “com os avanços dos tratamentos sistêmicos, a cirurgia para tratamento do câncer de mama vai acabar?”, o médico ressaltou a relevância ainda marcada das técnicas cirúrgicas para as pacientes com essa doença e lembrou que todo procedimento cirúrgico é passível de complicações e tem suas limitações. Como exemplo, o Dr. Frasson citou a ampla discussão sobre cirurgia para abordagem de linfonodos axilares, realizada no primeiro dia do evento, com enfoque nas possíveis complicações associadas, sobretudo o edema do membro superior abordado, e nas potenciais maneiras de evitá-los.
O mastologista lembrou ainda que os avanços no tratamento oncológico com quimioterapia e medicações diversas têm impacto direto sobre a cirurgia da mama, citando como exemplo terapias neoadjvuantes que permitem redução do volume tumoral e realização de cirurgias menores. Ressaltou também que os tumores pequenos e iniciais têm como pilar do tratamento a cirurgia e, na maioria desses casos, a mesma tem caráter curativo por si só, não sendo necessários tratamentos adicionais. O médico enfatizou a necessidade da busca por mais diagnósticos precoces, algo que não é habitual para a realidade brasileira, na qual muitas pacientes ainda descobrem o câncer em estádios mais avançados, o que faz com que se necessite de tratamento sistêmico inicial e impossibilita cirurgias inicias e menores com potencial curativo. E concluiu ratificando o papel importante da cirurgia como forma de tratamento para câncer de mama, ainda não sobrepujado pelas demais modalidades de tratamento.

A Oncologia Brasil está realizando a cobertura do SABCS 2018, diretamente de San Antonio (EUA).