Heterogeneidade da doença HER2+: tratamentos direcionados

< 1 min. de leitura

O oncologista clínico e coordenador dos núcleos de oncologia de Mama e Pele do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, Dr. Felipe Ades, em aula apresentada no Breast Cancer Review 2019, falou sobre o tratamento do câncer de mama HER2+.

O Dr. Ades deu destaque à atualização do estudo APHINITY, que nas investigações mais recentes está buscando subgrupos que possam se beneficiar mais significativamente do que a população global do estudo, para a qual os resultados iniciais sugerem um impacto pequeno. Falou também sobre o estudo KATHERINE, com pacientes com doença residual após tratamento neoadjuvante, que pode ajudar na elucidação da importância de se levar em conta a heterogeneidade da doença HER2+ para a pré-seleção das pacientes.

O Breast Cancer Review ocorre no dia 23 de novembro, no Hotel Four Seasons São Paulo, e é organizado pela Oncologia Brasil com apoio da AstraZeneca, Lilly e GeneOne. Confira a cobertura e acesse as aulas.

Send this to a friend